Blog MX1

Extreme XL Lagares abre Mundial de Hard Enduro 2021 com muita lama e barro

Billy Bolt vence prova cheia de desafios em Portugal. Confira os destaques

Crédito: Redação MX1.com.br - Maurício Arruda - Fotos: Future7Media

Billy Bolt

Enduro | 10/05/2021

O Extreme XL Lagares abriu neste fim de semana, dias 8 e 9, o Mundial de Hard Enduro 2021. Restrições de última hora devido a pandemia de Covid-19 surpreenderem os participantes da competição em Portugal e, diante disso, o evento teve seu formato original - com Endurocross, Prólogo e Corrida Principal - severamente reduzido.

Manuel Lettenbichler

As autoridades do país não liberaram a passagem dos competidores pelas trilhas da região, desta forma a organização precisou agir rápido buscando um formato sem deslocamento. Assim o campeonato começou apenas com disputas de Endurocross, nas quais o britânico Billy Bolt (Husqvarna) obteve a vitória na soma das três baterias. Manuel Lettenbichler (KTM) e Graham Jarvis (Husqvarna) completaram o pódio do evento. 

Billy Bolt enfrentando a lama no Extreme XL Lagares

Ditando o ritmo na pista, Bolt liderou a qualificação de sábado. Com uma forte chuva durante a noite, as condições do circuito pioraram demais com muita lama e barro para o domingo e a direção de prova decidiu em acordo com os pilotos que o evento não somaria pontos para o campeonato.

Graham Jarvis

Largando na frente na primeira prova, Bolt foi preciso e seguiu até a vitória, repetindo o desempenho na segunda corrida, mas na bateria final uma queda atrapalhou seu desempenho. Apesar do imprevisto, Bolt ainda garantiu o segundo lugar na terceira prova e o topo do pódio na geral.

Wade Young

"Depois de duas boas vitórias, a geral quase me escapou na corrida final. Minhas luvas estavam sujas de lama e era difícil me segurar e ir rápido, mas eu sabia que tinha tempo para buscar e - uma vez que fiquei em segundo - levei para casa a vitória geral. Não corremos nas montanhas, mas todos aproveitaram a situação da melhor forma", disse Bolt.

Alfredo Gomez

A batalha pelo pódio foi acirrada, já que Lettenbichler ficou em segundo na segunda corrida e faturou a terceira terminando o Extreme XL Lagares 2021 como vice-campeão. "Foi muito bom vencer a corrida final. Tive uma boa largada e consegui segurar Billy no final. Não sabia que tinha ficado em segundo na geral até terminarmos, então estou super empolgado", comentou o alemão de 23 anos.

Extreme XL Lagares 2021

Apesar de uma classificatória difícil no sábado, o veterano Graham Jarvis surpreendeu na fase final e provou ser um exemplo de consistência com o quarto lugar nas três baterias, o que lhe rendeu o terceiro lugar geral.

Extreme XL Lagares 2021

"Depois da notícia na noite de quinta-feira de que o formato original do evento não iria adiante, acho que todos - especialmente os organizadores do evento - tiraram o melhor proveito de uma situação difícil. As montanhas são mais o meu estilo, então , para ser honesto, me surpreendi com o terceiro lugar geral", avaliou o britânico de 46 anos.

Wade Young (Sherco) também teve um bom desempenho (4-3-5) garantindo o quarto lugar na geral, deixando Alfredo Gomez (Husqvarna) em quinto.

Pódio do Extreme XL Lagares 2021

O gerente da modalidade na FIM (Federação Internacional de Motociclismo), Winfried Kerschhaggl, acrescentou: "Tentamos todo o possível para entregar uma alternativa válida de corrida após o cancelamento do evento principal planejado originalmente. Com as más condições climáticas adicionadas às complicações já enfrentadas, o júri da FIM - com base na minha recomendação - decidiu não atribuir os pontos deste evento ao Campeonato Mundial".


Vídeos:



Resultados do Extreme XL Lagares 2021:

Primeira bateria
1. Billy Bolt (Husqvarna) 8 laps, 24:42.416
2. Taddy Blazusiak (GASGAS) 25:31.549
3. Wade Young (Sherco) 25:42.698
4. Graham Jarvis (Husqvarna) 26:11.515
5. Mario Roman (Sherco) 26:27.732

Segunda bateria
1. Billy Bolt (Husqvarna) 24:25.707
2. Manuel Lettenbichler (KTM) 24:34.618
3. Dominik Olszowy (KTM) 25:26.162
4. Graham Jarvis (Husqvarna) 25:28.667
5. Wade Young (Sherco) 25:37.090

Terceira bateria
1. Manuel Lettenbichler (KTM) 8 laps, 25:15.010
2. Billy Bolt (Husqvarna) 25:30.575
3. Alfredo Gomez (Husqvarna) 25:38.212
4. Graham Jarvis (Husqvarna) 26:19.611
5. Wade Young (Sherco) 27:07.924

Resultado final (soma das três baterias)
1. Billy Bolt (Husqvarna) 57pts
2. Manuel Lettenbichler (KTM) 45pts
3. Graham Jarvis (Husqvarna) 39pts
4. Wade Young (Sherco) 37pts
5. Alfredo Gomez (Husqvarna) 35pts
6. Dominik Olszowy (KTM) 31pts
7. Teodor Kabakchiev (Husqvarna) 28pts
8. Mario Roman (Sherco) 26pts
9. Taddy Blazusiak (GASGAS) 17pts
10. Kevin Gallas (GASGAS) 15pts

Notícias Relacionadas

Blog MX1

ir para o blog