Blog MX1

Super Final do Arena Cross 2021: Anthony Rodriguez vence categoria Pró no primeiro dia do evento

Enzo Lopes (AX2), Kevyn de Pinho (65cc) e Heitor Matos (50cc) lideram o pódio nas demais classes

Crédito: Redação MX1.com.br - Maurício Arruda - Fotos: Duda Bairros e Idário Café/Mundo Press

Anthony Rodriguez

Vídeos , Arena Cross | 28/11/2021

O primeiro dia da Super Final do Arena Cross 2021, realizado neste sábado (27/11) foi marcado por muitas disputas e um grande público no Pavilhão do Anhembi, em São Paulo (SP). Anthony Rodriguez (Pró), Enzo Lopes (AX2), Kevyn de Pinho (65cc) e Heitor Matos (50cc) faturaram as respectivas categorias e agitaram os fãs presentes no evento. A competição, que conta com a presença de pilotos internacionais, continua neste domingo (28/11) com as baterias finais e a definição dos campeões da 23ª temporada da tradicional prova do off-road nacional.

A pista construída pelo inglês Justin Barclay, responsável pelos traçados do Campeonato Mundial de Motocross, entre eles o GP do Brasil, realizado no Beto Carrero, em Penha (SC), eleito como a melhor etapa da temporada 2012 e 2013, foi palco de grandes pegas.

Final Arena Cross Anhembi

Pela categoria Pró, a principal, a disputa entre o português Paulo Alberto (Yamaha) e o venezuelano Anthony Rodriguez (KTM) começou no Duelo 1x1, entre os dois melhores competidores do treino classificatório. A vitória ficou com Rodriguez, que somou dois pontos extras na classificação. Já na primeira bateria, os dois travaram uma nova disputa. Desta vez, o piloto de Portugal levou a melhor.

Já na segunda bateria, mais uma batalha de Rodriguez, agora com o brasileiro Hector Assunção (Honda), que chegou a liderar, mas foi ultrapassado pelo venezuelano que cruzou a linha de chegada na frente. "O circuito é muito bem feito e evento legal demais. Estou muito confortável com a minha moto. Meu cotovelo está machucado e no final tive que administrar. Agora é descansar um pouco para tentar levar o campeonato neste domingo", destaca Rodriguez, líder da Pró com 76 pontos.

Enzo Lopes Arena Cross

Assunção está em segundo lugar no ranking, com 66 pontos. "A experiência foi demais em uma pista como essa, de nível internacional. Consegui me superar a cada bateria. Na segunda corrida, disputei até a última volta e mostrei que no Brasil a gente tem potencial. Então estou muito feliz com a minha pilotagem, vou tentar melhorar mais para buscar a vitória na etapa final".

A classe contou também com a participação dos pilotos convidados, como Tyler Bowers, Cade Clason e Henry Miller, dos Estados Unidos; Adam Chatfield, da Inglaterra; Humberto Martin, da Venezuela, e Jetro Salazar, do Equador.

Vencedor AX2 Arena Cross Anhembi

Sem correr no Brasil há cinco anos, o brasileiro Enzo Lopes (Yamaha), convidado da categoria AX2, deu show de pilotagem ao abrir vantagem logo no início. "Não tenho palavras para descrever essa prova, com toda essa atmosfera e torcida. Foi uma das corridas mais especiais da minha vida toda. Estou arrepiado e agradeço o carinho de todos", diz Lopes. Ele colocou uma volta no segundo colocado, Leonardo Souza (Honda), que faturou os pontos máximo da etapa e assumiu a vice-liderança no campeonato, com 33 pontos. A ponta da classificação continua com Pepê Bueno (Yamaha), com 37 pontos.

Souza destacou a importância de terminar na frente do seu principal rival na disputa pelo título do campeonato. "Estou buscando o máximo de pontos a cada corrida. O ano tem sido difícil, mas eu e minha equipe estamos batalhando bastante para entregar bons resultados. Sou muito grato ao time, minha família, mecânico e todos que me ajudam. Foi uma honra competir aqui, a gente sempre aprende a cada bateria. Agora estou na vice-liderança e vou dar o máximo para conquistar mais pontos importantes na final".

Arena Cross São Paulo

Pelas categorias infantis, o duelo entre Heitor Matos (Husqvarna) e Lucas Valar na 50cc agitou a maior parte da prova. Faltando cerca de dois minutos para o final, Valar sofreu uma queda e deixou o caminho livre para a segunda vitória de Matos na temporada. "Foi legal a bateria. Passei um pouco mal antes da largada, mas quando caiu o gate, tudo passou. Consegui fazer uma boa corrida. Várias vezes estava tentando ultrapassar o Valar. Aí, ele caiu e acabei chegando em primeiro", conta o garoto de oito anos, líder da categoria com 40 pontos.

Vencedor 65cc Arena Cross Anhembi

Na 65cc, Kevyn de Pinho (KTM) venceu de ponta a ponta e segue imbatível na categoria. "Eu adorei tudo aqui. Apesar de liderar a prova toda, não considero uma corrida fácil. Eu procurei as linhas certas, pensei bastante e administrei a vantagem para não cair. Quero agradecer toda a minha equipe e minha família", finaliza Pinho, que tem 12 anos e mora nos Estados Unidos.

Vencedor 50cc Arena Cross Anhembi

O evento segue neste domingo (28/11), com o início das atividades previstas para às 9h. As corridas começam a partir das 11h35. O canal SporTV vai transmitir ao vivo o último dia da Super Final do Arena Cross, a partir das 13h. Os comentários serão do especialista Luciano "Kdra" Lancelotti. Acompanhe a transmissão ao vivo clicando aqui.

Arena Cross categoria Pró Anhembi

2ª etapa - Arena Cross 2021 - Sábado (27/11) - Pavilhão do Anhembi (SP)

Resultados - Cinco primeiros

Soma Corridas Pró
1º - Anthony Rodriguez #127 - 39 pontos
2º - Paulo Alberto #1 - 36 pontos
3º - Hector Assunção #30 - 32 pontos
4º - Cade Clason #78 - 26 pontos
5º - Henry Miller #129 - 22 pontos

1ª Corrida Pró
1º - Paulo Alberto #1
2º - Anthony Rodriguez #127
3º - Hector Assunção #30
4º - Cade Clason #78
5º - Henry Miller #129

2ª Corrida Pró
1º - Anthony Rodriguez #127
2º - Hector Assunção #30
3º - Paulo Alberto #1
4º - Cade Clason #78
5º - Henry Miller #129

Corrida AX2
1º - Enzo Lopes #80
2º - Leonardo Souza #45
3º - Pepê Bueno #97
4º - Gabriel Andrigo #10
5º - Renato Paz "Muguinho" #4

Corrida 65cc
1º - Kevyn de Pinho #52
2º - Gustavo Torres #712
3º - Gabriel Cirino #81
4º - Zian Bertchold #17
5º - Lucas Matos #900

Corrida 50cc
1º - Heitor Matos #300
2º - Guilherme Buozi #274
3º - Enzo Vilela #122
4º - Lorenzo Ricken #16
5º - Bruno Celico Palmieri #91

Classificação do Campeonato - Após 2 etapas

Pró
1º - Anthony Rodriguez #127 - 76 pontos
2º - Hector Assunção #30 - 66 pontos
3º - Humberto Martin "Machito" #101 - 56 pontos
4º - Paulo Alberto #1 - 54 pontos
5º - Jetro Salazar #60 - 51 pontos

AX2
1º - Pepê Bueno #97 - 37 pontos
2º - Leonardo Souza #45 - 33 pontos
3º - Gabriel Andrigo #10 - 32 pontos
4º - Renato Paz "Muguinho"#4 - 21 pontos
5º - German Bratschi #146 - 20 pontos

65cc
1º - Kevyn de Pinho #52 - 40 pontos
2º - Gustavo Torres #712 - 34 pontos
3º - Gabriel Cirino #81 - 30 pontos
4º - Zian Bertchold #17 - 21 pontos
5º - Lucas Matos #900 - 17 pontos

50cc
1º - Heitor Matos #300 - 40 pontos
2º - Guilherme Valle #274 - 32 pontos
3º - Lorenzo Ricken #16 - 23 pontos
4º - Enzo Vilela #122 - 22 pontos
5º - Bruno Celico Palmieri #91 - 22 pontos

O Arena Cross 2021 tem patrocínio da Honda, Pro Honda, Monster Energy, além do copatrocínio da KTM e Kawasaki. O evento conta com a parceria da Prefeitura de São Paulo e da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME). O apoio é da revista Pró Moto, revista Dirt Action e Moto Channel Brasil. A supervisão é da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM). A realização é da Romagnolli Promoções e Eventos e Liga Nacional de Esportes a Motor (Linem).

Notícias Relacionadas

Blog MX1

ir para o blog